QUEREMOS ENSINAR EM LIBERDADE !

artigos de opinião

  • PROVA DE APTIDÃO POLÍTICA

    A propósito do Debate com os partidos políticos sobre a Educação e a Profissão Docente! 2 fevereiro, auditório da Escola Secundária D. Dinis, Lisboa A promoção do encontro anunciava um Debate com os partidos políticos, a propósito das suas propostas para a Educação. Porém, o evento esteve longe de configurar sequer uma morna discussão! Na…

  • Retrato de uma noite em “A Pergunta Sem resposta” de José Miguel Júdice

    O ex-bastonário da Ordem dos Advogados e ex-libris das grandes sociedades de advogados, o ilustre Dr. José Miguel Júdice, de cima do seu pedestal, invoca a evolução notável da saúde do país, comparando-a com o do regime salazarista.

  • Hoje é o dia do “debate” com os partidos políticos, promovido pela FENPROF

    Debate

    Estaremos presentes neste evento para observar o comportamento dos presentes, da fenprof e dos seus sindicatos. Presente para perceber se este vai ser um debate plural ou se não passa de uma estratégia de apoio partidário em benefício de alguns partidos convidados.

  • Gentalha, talvez não, mas… gentios com certeza que são

    À espreita, com um pé na classe e outro na oportunidade, porque as massas movem montanhas, geram votos e concedem poder institucional aos partidos, lá estavam os gentios… Selváticos predadores, de vigia, sempre preparados para se assenhorarem da energia da classe, para a sujeitar aos caprichos e às agendas dos seus partidos políticos.

  • e a voz de quem ensina?

    Todos os dias a todas as horas, o espaço de reivindicação dos professores, é tomado por forças partidárias que desvirtuam a nossa voz! Querem nos convencer que estamos à espera do dia 10. Estão ENGANADOS! A escola tem uma voz e este é o momento de se fazer ouvir! Saibam as organizações sindicais perceber que…

  • Fomos observar as flores

    A introdução de elementos de campanha partidária em recinto escolar não só polarizou a comunidade escolar, influenciou politicamente outros discentes presentes, criando um ambiente de manipulação partidária, prejudicial às aprendizagens e que nada dignifica a instituição nem os profissionais que nela desempenham as suas funções educativas.

Mais artigos de opinião +


Video em destaque:

Sabemos que há um partido político que se move no sentido de pôr os professores na rua. Percebemos bem as suas motivações!
Esta é uma luta de classe. Precisamos de estar unidos, sem partidos e com sentido de classe depois das eleições. Lutas e oportunismo partidários dentro da nossa classe, com outras motivações, polariza as nossas relações.
Sabemos que muitos são os dossiers que nos dividem. Temos que estar unidos e preparados.
Diretamente do salão dos defuntos…
Esta afirmação de JC acerca das nossas posturas reivindicativas, das nossas formas de luta devem ser alvo de profunda reflexão por todos os profissionais da educação.
As certezas do João – Folio 2023 – Óbidos

contatos – info@amamosaescola.pt